Conhecendo o Monastério de Montserrat, a 60 km de Barcelona

Quando estive em Barcelona, em 2011, resolvi conhecer o famoso Monastério de Montserrat, que fica mais ou menos a 61 km de distância da capital. Ou seja, um destino perfeito para fazer um bate-volta e conhecer algo completamente novo, cheio de cultura, história e mil e uma curiosidades.

Para quem não sabe, Montserrat é um grande maciço rochoso, de até 1.236 metros de altura, onde se pode ver os Pirineus, o Tibidabo e até Mallorca (!). Resumindo, é um mirante absolutamente inesquecível. Nele está o Monastério de Montserrat, com uma basílica linda, onde fica a imagem da Nossa Senhora de Montserrat (La Moreneta), e o Parc Natural de la Muntanya de Montserrat.

Para quem estiver de passagem marcada para a Espanha, vale a pena conhecer o local. Anote algumas dicas:

Para ver os detalhes, basta clicar na imagem.

Como chegar?

Para chegar ao mosteiro é possível utilizar uma cremalheira (uma espécie de trenzinho) ou um teleférico – meios de transporte que conferem um charme ainda mais especial ao passeio.

Como eu estava com um grupo grande de amigos, alugamos uma van. Mas na estação Plaza d’Espanya pega-se o trem (linha R5 – verde) sentido Manresa. Na hora de comprar o bilhete você pode escolher se prefere subir de teleférico ou de cremalheira. Nós optamos pela segunda opção.

Quanto custa?

Existem diversos tipos de passes para Montserrat. Você pode comprar apenas os bilhetes ida e volta + a subida (e deixar para comprar o resto na hora), ou você pode escolher os pacotes Trans Montserrat (23,10 €) ou o Tot Montserrat (38,45 €), que vem com alguns passeios inclusos (sendo esse segundo com almoço especial).

Como é a vista?

Chegando lá, fique atento aos horários das missas e do coro infantil. Demos muita sorte de chegar minutos antes da missa começar, e conseguimos assistir até o fim. É lindo demais! Também vale visitar um dos museus que você encontra na saída da basílica, com obras dos mais variados estilos.

Em relação ao visual, se preparem. É muito diferente do que estamos acostumados a ver aqui no Brasil, e realmente parece que você está em outro planeta. A paz daquele lugar é incrível, e o visual é absolutamente maravilhoso. Mas uma dica: se você for no inverno, como eu, leve um casaco mais pesado e luvas. Lá em cima é muito frio e venta bastante.

Onde comer?

Só há um restaurante por lá (pelo menos em 2011, quando fui), por isso é bom almoçar cedo antes que se formem filas enormes. Como estava muito cheio, ficamos apenas na lanchonete que tem logo na entrada do restaurante. Mas é tudo delicioso!

Quer mais?

Depois de conhecer todo o Monastério, não deixe de subir no funicular de São João. A subida é longa e demorada, mas a vista é fantástica. Chegando lá há muitas trilhas, locais para praticar esportes, etc. Um dos highlights do passeio, sem dúvida nenhuma.

Curiosidades

  1. O mosteiro foi fundado em 1205 e reconstruído em 1858.
  2. Lá se encontra a escola de música mais antiga da Europa. E duas vezes por dia é possível ouvir o coro infantil de Montserrat, conhecido como Escolania.
  3. Em uma das trilhas de caminhada, você é surpreendido com várias esculturas ao ar livre, de artistas como Gaudí, por exemplo.
  4. Foram nestas montanhas que pastores encontraram a imagem da Virgem de Montserrat. No lugar exato se construiu uma capela que emerge da rocha. A virgem negra é a padroeira da Catalunha desde 1881.

Para mais informações, acesse:
http://www.abadiamontserrat.cat
http://www.montserratvisita.com